Reflexões / Matutações

Cristo ressuscitou! Aleluia! Aleluia!

18/04/2017

Num “velho caderno de Exercícios Espirituais”, feitos há tempos, encontrei algumas “matutações”...

  • “Vós sois a luz do mundo” - Mt 5,14. Não haveria certamente mais pagãos se nós cristãos fôssemos verdadeiramente como deveríamos ser; se obedecêssemos aos mandamentos de Deus; se não nos vingássemos das injúrias recebidas; se insultados conseguíssemos retribuir abençoando; se fôssemos capazes de pagar o mal com o bem. Não haveria ninguém que nos vendo agir assim, mesmo sendo crítico feroz, não aderisse de boa vontade à verdadeira religião. Vemos quantas pessoas Paulo, sozinho, soube atrair a Cristo. Se fôssemos todos assim, poderíamos na verdade converter o mundo” -  São João Crisóstomo. 
  • “Dei-vos o exemplo, para que façais como eu fiz” - Jo 13,15. O Senhor nos escolheu para sermos luz morando na terra entre os homens, como pessoas adultas entre crianças, como homens espirituais no meio de tantos que são ainda carnais. Os cristãos, vivendo com o corpo na terra, mas com o espírito no céu, podem iluminar e acender o fogo do amor a Deus com o exemplo da virtude. 
  • Jesus primeiramente fez, depois ensinou - At 1,1. Ensinou mais com fatos do que com palavras. Com obras, Cristo ganha a adesão da fé a seus ensinamentos. Exorta à mansidão e o faz apresentando o seu exemplo: “sede discípulos meus, porque sou manso e humilde de coração” - Mt 11,29. Ensina a pobreza e a demonstra em si mesmo: “o Filho do homem não tem onde repousar a cabeça” - Mt 8,20. Prescreve o amor aos inimigos, e o ensina, sobretudo, orando, pregado na cruz, pelos que o crucificaram - Lc 13,34. 
  • “Se alguém quiser abrir um processo para tomar a tua túnica, dá-lhe também o manto” - Mt 5,40. Ele não só deixou que lhe tirassem as vestes, mas deu também o seu sangue, e assim quis que o fizessem também seus discípulos. 
  • Não há nada mais frio e ineficaz do que um mestre que só usa as palavras: esta é atitude mais de um hipócrita do que de um mestre. Por isso, os apóstolos ensinavam primeiramente com o exemplo, depois com as palavras. Aliás, não tinham necessidade de tantas palavras, visto que suas ações falavam por si só. É também verdade, por outro lado, que não é necessário ter em vista, sobretudo o bom exemplo. Isto seria um equívoco. É preciso agir bem e esmerar-se por fazê-lo de modo perfeito. O exemplo vem por si. 
  • “Presta atenção em ti” - 1Tm 4,16. Permanecer em estado de alerta, considerando frequentemente, examinando e corrigindo nossas ações e comportamentos. Os que descuidam de si mesmos correm o risco de esvaziar o espírito e acabam por não ajudar nem a si, nem aos outros. Refletir continuamente sobre nosso modo de vida, com a finalidade de viver sempre bem. “Agindo assim, salvarás a ti mesmo e aos que te ouvem” - 1Tm 4,16.

Autor: Tácito Coutinho - Tatá - Moderador do Conselho da Comunidade Javé Nissi

Deixe seu comentário

Últimas


O farisaísmo é “um caminho segundo a carne” - 18/10/2017

O fermento dos fariseus - 17/10/2017

Os tempos atuais não são fáceis.. - 16/10/2017