Reflexões / Matutações

Por Cristo Jesus

05/01/2017

Ser um homem bom em tempos maus;

Buscar a santidade numa sociedade paganizada;

Viver sem “sair pela tangente” assumindo o que me cabe.

Viver neste lugar e neste tempo, aceitando o martírio dia a dia.

Tomar a cruz, suportar “o silêncio de Deus” e o sofrimento inexplicável,

Sem murmuração e blasfêmias, sem estoicismo.

Viver a esperança trazida pela fé, apesar dos fracassos e traições,

Sem perder a alegria, apesar das lágrimas.

Não permitir que o fel da tristeza tempere a vida.

Amar sem pedir recompensa e perdoar sem esperar gratidão.

Ser disponível sem colocar preço,

Sem a desculpa do cansaço, pois o amor não se cansa.

Viver sem medo do futuro, sem ingenuidade, a Providência é amiga;

Não perder o sonho, a visão, perseguir a profecia;

Estar com os amigos como um amigo; sem amigos a vida é pobre.

Alegrar com minha casa agradecido por ter recebido tanto.

Apascentar filhos e filhas, netos e netas,

Contemplando o futuro naqueles que tive e naqueles que a fé me deu.

Aceitar as limitações fugindo da arrogância de ”estar sempre certo”.

Viver intensamente sem alienação a liberdade,

Com a convicção que a vida só tem sentido n’Ele.

 

Autor: Tácito Coutinho - Tatá - Moderador do Conselho da Comunidade Javé Nissi

Deixe seu comentário

Últimas


O conteúdo do Natal nos Padres da Igreja - 14/12/2017

Perdemos o senso do Natal! - 13/12/2017

Dia de Nossa Senhora de Guadalupe - 12/12/2017